5 dicas valiosas para melhorar o relacionamento com o paciente

5 dicas valiosas para melhorar o relacionamento com o paciente

Quando foi a última vez que você parou para pensar em como melhorar o seu relacionamento com o paciente? Essa é uma necessidade urgente, pois ela impacta não somente no resultado dos tratamentos, como também na sua imagem profissional.

Compreender o momento de cada pessoa e oferecer o apoio necessário ajuda a construir uma carreira de credibilidade e a conquistar indicações que aumentam a procura pelo seu atendimento médico.

O relacionamento com o paciente é, sem dúvida, um tema que merece um tempo maior de estudo. Mas é preciso tirar as ideias do papel e colocá-las em prática. 

1. Treine sua equipe

Quando lidamos com público, ainda mais com pessoas que podem estar passando por momentos de fragilidade, ter empatia e resiliência é fundamental. Essa dica é válida tanto para você quanto para toda sua equipe.

Por isso, exija de sua equipe um atendimento sempre impecável, com muita cordialidade e atenção. É possível encontrar treinamentos e dicas voltadas para melhorar o relacionamento interpessoal em diversos canais. Estabeleça uma rotina de autoavaliação e, sempre que ocorrer um caso crítico, ao invés de procurar culpados, faça reuniões para discutir com o time, qual atitude a ser tomada caso a situação se repita.

2. Diminua o tempo de espera

O dia a dia de todo mundo está cada vez mais cheio de tarefas e compromissos, por isso é comum presenciar pessoas reclamando quando há demora para serem atendidas.

A gestão da agenda é fundamental para que não ocorram atrasos. Considere, por exemplo, deixar alguns minutos entre uma consulta e outra, uma margem de segurança caso o atendimento se estenda. Uma dica simples, mas muito valiosa na construção do relacionamento com o paciente.

3. Verifique as orientações foram bem compreendidas

A clareza nas informações transmitidas faz parte de um atendimento de qualidade, que preza por estabelecer um vínculo duradouro de relacionamento com o paciente. Muitas vezes, o paciente não entende termos técnicos ou não está habituado com uma rotina de medicamentos, por mais que pareça algo óbvio para o médico, isso deve ser levado em consideração.

Como resolver isso? Simples: pergunte, de forma cordial, se o paciente compreendeu.  Caso tenha alguma dúvida, peça para que ele repita as instruções passadas, apenas para garantir que tudo sairá bem.

4. Pergunte ao paciente o que precisa saber

Construa um questionário simples e peça a opinião de seus pacientes em relação a todo o ambiente do escritório: estrutura física, como a sala de espera e toaletes, temperatura, iluminação. Mas não deixe de perguntar também sobre a qualidade do atendimento.

Utilize a tecnologia a seu favor! Disponibilize esse formulário online e não exija que o paciente se identifique, assim a probabilidade de que suas respostas sejam sinceras é muito maior.

5. Mantenha o atendimento pós-consulta

Por último, mas não menos importante: ajude seus pacientes a manterem as instruções em prática e, assim, cuidarem melhor de sua saúde! Mas, como fazer isso?

Organize com sua equipe uma forma de criar lembretes a serem entregues no final do atendimento para lembrar não só das próximas consultas, mas também dos horários para tomar as medicamentos, por exemplo.

Você pode fazer isso em papel, até mesmo considerar a produção de brindes em formato de imã de geladeira, por exemplo. Ou você pode, mais uma vez, utilizar a tecnologia a seu favor e utilizar e-mail, Whatsapp ou Facebook. Inclusive, as redes sociais podem aproximar o contato e, se bem administradas, melhorar ainda mais o relacionamento com o paciente.

Gostou das dicas? Perceba que elas não envolvem grandes investimentos financeiros. Basta mesmo a sua vontade otimizar os resultados! Dê um passo de cada vez, assim você pode consolidar as mudanças na gestão e tanto seus colaboradores quanto os pacientes ficarão agradecidos.

Lembra de outra dica importante? Tem alguma experiência para compartilhar? Deixe seu comentário!

Referências:  Nutrium, Dietbox.

Comentários no Facebook

CURTA NOSSA PÁGINA